terça-feira, 20 de setembro de 2016

Sou(l) onde estou (Star)

Com a mão copio o que sinto em meu pinto
E erro
Assim me amo
Sei que erramos
Logo acerto
Acertamos
Nos amamos
Certo
Que o certo é você

Ei, garota olhe bem pra mim
E diga se alguém já fez tão simples assim
Sim, o meu amor é pela vida
E você está nela
Me provoque
Sou rock pop ou samba rock
Sou uma pedra-man-star traduzida em vida
Estou assim num trampolim a ti indo
Vou em ti saltar rindo
Olhe bem pra mim e veja-me assim sem fim
Sou como você sempre quis
Um homem pra ti e que por ti está
Sou como sou um sol sem se preocupar com a noite star
As pedras rolam ao nosso estar só por ficar
Óu como é bom contigo estar
Star
Hummm
Já disse que amo você assim?
Sem se preocupar em se de novo encontrar
-Sei senti bem em mim
Sabemos que vamos de novo nos encon..tarar
Com a minha própria mão nunca fiz assim
Estou louca(o) por você
Sempre fui louca(o)

Então simplesmente continuo
Nu

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Cabana bacana

Sentado sentindo que as ruas estão vazias de gentes
Sobreviventes
Minha barba branca implora à minha cara franca
Os mistérios abrem-se loucamente em minha mente
Óu que estúpido sou ao ainda tentar ser um normal
Os normais não são como eu
Esses fazem questão de serem iguais
Automóveis, celulares, seus lares
Roupas e cabelos
Essa moda me incomoda
Vem uma neblina que me inclina ao aclive
Subo em solo com meus sonhos no colo e nas costas o mundo
Sou mesmo esse unicórnio
Que vi e ainda vejo aqui na minha frente
Crescer?
Querer ser
Cria de meus nãos e sims
Que horas são?
Onde estamos?
Naquela cabana?
Que bacana
Felizes e sensíveis a isso
O motivo clínico de não ser consigo mesmo cínico
Por isso eu escrevo livremente
Não sou radical em nada
Vivo a vontade ao bem da verdade
Mesmo que minha
Mas não quero circular por ae vazio
Enchendo o saco das pessoas
Entenda-me sou assim
Meu sonho é sonhar
Sou mais uma matéria
Uma bactéria com muita bateria
Saiba sabe sempre soube 
Que não seria e nem tentarei ser mais do que um descritor
E descrevo só o que penso e sinto
Vejo um ovo se quebrando
E eu pinto nascendo

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Block you, não mais tia

Faço hum milhão oitocentos e quatrocentos e noventa e oi tenta e nove coisas e quase o tempo todo calmo
Quase porque tem gente que parece que vive num curto circuito e não entende que tudo tem um end
Entende
Pelo que me lembro dois metros quadrados da quatro contínuos
Pegue sua saia e...
Saia do meu quarto mesmo que seja defenestrada
Eu dou um cartão verde pra quem quero ver sempre
Tem gente que nasceu na China ou na esquina
Tanto faz
Não segure pelas crinas
Pelas minhas narinas passa o ar que respiro para acender a pira de meu pensar
E sentir o ascender em mim

O mundo é pequeno lá fora
Por isso não cabe nós dois juntos
Viva no seu mundo
O meu faço de paraíso para isso existo
E nisso lembre mais de nós felizes
Pois é assim que me faço
Bloqueio as luzes que não clareiam meu andar
E minhas noites de insônia curo comigo mesmo
Os Doutores me estranham
Pois são meus eus que operam minhas entranhas
Não mais tia
Sai de mim um eu que quero cada vez mais equilibrado
Por isso fecho meus olhos e vejo o mundo 
E tenho o mundo que quero
E digito para transmitir telepaticamente à quem me ler
E dizem essas vozes imaginárias
Vá siga seus sonhos
Olhem os pássaros aqui do lado
E os golfinhos também
Sinto todos juntos e tão bem
Então vem
E sem essa de sou mais velha
Tenho mais coisas
Tenho mais influência nos outros
Se eu é que não sei
Mas saiba um pouco do pouco que sei
Ao me ler
Abra essas portas e janelas e deixe esse vento
De novo inventar um bom lugar de viver e de morar



domingo, 11 de setembro de 2016

Sex appeal de Shaquille O’Neal

https://www.youtube.com/watch?v=11fH4M4GYtE

Será que eu ainda sou eu mesmo?
Acho que ando cheio
Nada mais me toca pra fora desta minha toca
Estou meio por inteiro sem foco
Fujo tanto que de mim
Tonto
Sai um eu que quer caminhar por ae
Sem nada mais do que eu
Eu mesmo só por ae
É isso que às vezes
Mas sempre, penso
Será que eu quero sair por ae nu andando?
Diz que para por fim nisso tudo tenho que ser isso tudo que posso pensar e sentir
E que não suporto mais Porto
E por Porto não ser mais meu porto
Quero ser livre e voo para outro aeroporto
Vou ter que ir pra acertar as contas com minhas contas
E mais...
...o meu espírito do sul respeita a brisa que leva ao norte
Não sou sóóóó Inter
E nem sóóóó Grêmio
Nem sei direito o que é Maragato e Chimango
Com todo o respeito
Esse combate não valida a minha vida
Deste leste quero oeste
Quero marcar em mim todas as setas de possibilidades incertas
E quero ser louco o bastante para preencher esse meu papel de viver
Com meu sex appeal de Shaquille O’Neal
Eu quero ser mais que o tempo que tenho
Achei escrito no meu chão meu caixão que não haverá um não
E acho que por mais ainda que eu possa ser

Não haverá

sábado, 10 de setembro de 2016

Mulheres ou homens, tanto faz crianças

Desculpas servem para minhas dez culpas

Calo minha fome e...

E digo que o ar está a me afogar

E que meu herói quer me matar

E o beque que eu...me tranca

Como um gol

Estou

Esse é o meu show

Acordo as sete horas

E digo a elas vão embora estou na minha hora

Acha o que gata?

Que pra ter o que tenho

Não responsabilidades tenho

Ou acha que sou um simples animal

Que vivo para transar

E só o corpo esculpir

Mas eu tenho que trabalhar
Esse  é o trabalho
Trazer o pensar ao sentir

 

domingo, 4 de setembro de 2016

Ser eu, esse é meu estilo

Não fale para mim o quanto estúpido fui
Tente só colocar um pouco de luz em meu caminho
Se não puder
Não coloque nada
Não tente destruir tudo o que fiz para tentar ser ou nos fazer feliz
Nem diga que se eu sair do armário vou ser melhor
É que você que não quer entender que sou macho
E sensível ao mesmo tempo
A humanidade não precisa mais de homens machões
E eu sou assim
Leve e duro
Puro
Juro que não pensei em ti trair com elA
É que ela se tornou minha amiga
É que a amizade...da de dez no teu amor que deste por nós  

E eu vou ser mais
Mais que um rei
Vou ser de fato eu
Um com mais uma que darão duas
Duas pessoas felizes que somadas
Darão em todas as vida vividas
Eu não sei
Mas eu não traio
Essa é a maior revolução
Evolução
Retornar a a um passado e de lá
Alavancar um ser
O ser que sou e sempre fui
O projeto de minha vida
É viver e...
E eu não sei
Desse tentar saber ou pensar que sei
Me libertei

Contigo, caso tenha entendido

Da vida vivida de fato retorno quieto
Caminho pela rua vazia respirando calmamente
A dor me tornará a voltar?
A dor de saber
 A dor do conhecimento de que só a fé inexplicável reduz o pus dessa vida inflamada de novo retornará?
Vou buscar esta resposta
Estou subindo a escada de casa
Onde estou?
-De volta. Não fizeste nada para mudar
-Mudar o que?
-O lugar onde estás
-De fato só me diverti
Mas o que há de errado em só viver
Não quero mais saber de crise
Segurança
Educação
Saúde
Habitação
Não quero ser político
Eu ser político
Será que isso é desistir de ser o que sou?
-Ministre sua vida
Administre-se
-Alguém tem que viver de bem com todos
Sou esse alguém
-Que te disse isso?
-Eu mesmo
Eu perdedor quero e vou perder essa dor
Desafiar
10 afiar
Sei que sofri
Mas sou free
Deus me deu Eu
Quero aprender a saber o que fazer e caso não possa
Não fazer
Não quero chutar a solução do problema social para outrem
Quero passear nesse trem que é viver
A estação para descer é logo ali
Vou chutar não o balde
Vou trocar de arrabalde
Viver de varde
De verdade poder voltar e dormir
Sem ter que sentir o peso da missão pressentida
A vida presumida é isso
Não quero ter
Quero ser
E viver todo esse ser...